CURSOS UNIDADES QUERO DESCONTO

FANPEOPLE

Programação: o que é SQL e Java?

Entenda esses dois tipos de linguagem!

postado 12 de fev de 2020

A programação possui diversas linguagens, cada uma com a sua função para que tudo funcione direitinho. Se você curte essa área e está pensando em seguir uma carreira nela, com certeza ficou curioso para saber mais alguns detalhes sobre programação, certo? Por isso, preparamos este post para você entender o que é SQL e Java. Acompanhe o texto!

O que é SQL?

SQL é a sigla de Structured Query Language - ou Linguagem Estruturada de Dados, em português - e é muito importante, já que ela ajudará com outras linguagens. Ela é voltada para a manipulação de dados em SGBDs (Sistemas de Gerenciamento de Bancos de Dados), usados principalmente em e-commerces e portais de conteúdo. Os bancos de dados são conhecidos como fontes de registro de várias informações, mas em computação falamos de bancos de dados relacionais, ou seja, registros colocados em colunas e linhas.

Quem cuida de tudo isso é o DBA (Database Administrator, ou Administrador de Banco de Dados), responsável por instalar e criar esses bancos. Sua função monitora, atualiza e dá segurança às informações, concedendo as permissões de que os usuários precisam. Ele também melhora a performance e repara erros do sistema. Esse profissional pode trabalhar em empresas de desenvolvimento web ou de softwares, por exemplo; mas, além disso, precisa ter um bom conhecimento de inglês, pois os comandos dos sistemas são executados no idioma.

Por exemplo, para escrever um código HTML, o programador precisa criar um banco de dados para colocar todas as informações mais importantes. Quando a página é produzida, a informação é repetida múltiplas vezes e o programador coloca as coordenadas dos dados no banco, o qual será acessado sempre que você carregar a página. A SQL possui alguns subgrupos, veja:

DML - Data Manipulation Language

Estes são os comandos para alterar as informações no banco de dados, adicionando ou excluindo:

SELECT → serve para realizar consultas;

INSERT → para inserir uma nova informação na tabela;

DELETE → usado para excluir informações da tabela;

UPDATE → muda as variáveis dos dados que estão inseridos.

DDL - Data Definition Language

Já estes servem para modificar as próprias tabelas:

CREATE → para criar objetos, como tabelas e novas visualizações;

ALTER → adicionar algo a um objeto já existente;

DROP → apagar algum objeto.

DCL - Data Control Language

Responsável por fazer as permissões do banco de dados, como restringir, bloquear ou permitir acessos e modificações feitas por um usuário.

GRANT → dá permissão ao usuário para acessar e/ou modificar as informações do banco de dados;

REVOKE  → proíbe ou impede o usuário de acessar e/ou modificar o banco de dados.

DTL - Data Transition Language

É responsável por salvar as mudanças realizadas pelos usuários, utilizando os comandos a seguir:

COMMIT → autoriza que as alterações sejam salvas;

ROLLBACK → usado para restaurar o banco de dados ao ponto do último COMMIT.

O que é Java?

Java é uma linguagem de programação orientada a objetos que fazem parte do núcleo da plataforma Java. Uma das suas características é que todo o código é escrito numa classe e tudo é um objeto, tirando os tipos intrínsecos, que são números reais e ordinais, valores booleanos e caracteres. Esses não são classes por conta da função exercida por eles.

Quando foi desenvolvida, os objetivos principais da linguagem Java foram a simplicidade e a orientação de objetos de fácil aprendizagem. Também deveria ter uma arquitetura de funcionamento em vários sistemas operacionais, alta performance, segurança e solidez, além de ser dinâmica e interpretada com suporte a threads

Essas aplicações em Java podem ser executadas em qualquer plataforma que tenha o Java Virtual Machine (JVM) instalado. O Java usa o Garbage Collector, que gerencia a memória referente ao ciclo de vida dos objetos e a sua permanência nela. Os programadores determinam quando os objetos serão criados, e o responsável pela retirada do objeto da memória, quando não for mais usado, é o Java Runtime, que evita que o processo tenha que ser realizado manualmente, como nas linguagens de programação estruturada.

Qual a diferença entre Java e JavaScript?

O JavaScript foi criado com influência de várias linguagens de programação e foi desenvolvido para ser próximo à linguagem do Java, mas com um formato ainda mais simples. O intuito do JavaScript é construir páginas da internet com mais dinamismo, com linguagem de scripts, utilizadas para acessar objetos em outras aplicações.

Essa linguagem é utilizada em muitas páginas da internet para adicionar funcionalidades, validar formulários e detectar navegadores, por exemplo. Outras funções são: abrir uma nova janela com controle pragmático sobre o tamanho, a posição e os atributos dela; validar dados de um formulário web para que sejam aceitos antes de serem submetidos ao servidor; e permitir a alteração imagens conforme passamos o cursor por elas.

Agora você já conhece um pouco mais sobre as linguagens SQL e Java, usadas em programação. Confira outros posts sobre essa área aqui no blog da People:

O que é "hacking"?

O que são variáveis e para que elas servem na programação?

Tecnologia é na People!

Quer ingressar na área de tecnologia? Seja um aluno People! Conheça nossos cursos e esteja à frente das inovações no futuro!

COMENTÁRIOS

Seja o primeiro a deixar um comentário

Mais Vistas

©People. Todos os direitos reservados.
Avenida Bady Bassit, 4960 São José do Rio Preto - SP   |   (17) 3214-8699
©People. Todos os direitos reservados.
Avenida Bady Bassit, 4960 São José do Rio Preto - SP   |   (17) 3214-8699
©People. Todos os direitos reservados.
Avenida Bady Bassit, 4960 São José do Rio Preto - SP   |   (17) 3214-8699
Move Edu
Move Edu